Pantaleão e as Visitadoras / Pantaleón y las Visitadoras

Nota: ★★★☆

O segundo Pantaleão e as Visitadoras, co-produção Peru-Espanha de 2000, é um bom filme. Claro: o ponto de partida, a história criada por Mario Vargas Llosa, é uma absoluta delícia. Mas o filme tem outros méritos além da história fascinante. Entre eles, uma atriz de beleza estonteante, um vulcão de sensualidade, a colombiana Angie Cepeda.  Continue lendo “Pantaleão e as Visitadoras / Pantaleón y las Visitadoras”

Igual a Tudo na Vida / Anything Else

zztudo1

Nota: ★★★☆

O Woody Allen de 2003 fala sobre a amizade entre um homem maduro, na faixa dos 60 anos, e um rapaz bem jovem, aí de uns 24. O rapaz, Jerry Falk, está começando a carreira como escritor de piadas, esquetes cômicos, falas para gente da stand-by comedy – e leva jeito. O velho, David Dobel, também é um iniciante nesse ofício, embora seja vivido, experiente, e culto; é um professor em uma escola pública.  Continue lendo “Igual a Tudo na Vida / Anything Else”

E aí, Meu Irmão, Cadê Você? / O Brother, Where Art Thou?

zzbrother1

Nota: ★★★★

O Brother, Where Art Thou?, no Brasil E aí, Meu Irmão, Cadê Você?, é um filme genial, uma maravilha, uma obra-prima. Tem qualidades a dar com o pau, e espero poder demonstrar um pouco delas nesta anotação – mas a principal é simples de se explicar. É uma comédia danada de engraçada. É uma das comédias mais absolutamente hilariantes que já vi. Continue lendo “E aí, Meu Irmão, Cadê Você? / O Brother, Where Art Thou?”

Cold Mountain

zzcold1

Nota: ★★★★

Que beleza, que maravilha, que filmaço é Cold Mountain. É um grande filme anti-guerras, com extraordinárias sequências de batalhas. É violento, forte, poderoso, na exibição de tanta violência, dor e miséria, física e espiritual, que acompanham a insensatez de uma guerra. E é uma belíssima história de amor. Continue lendo “Cold Mountain”

Weeds – As quatro primeiras temporadas

zzweeds1

Nota: ★★★☆

Weeds tem todos os elementos para suscitar polêmica, criar bate-boca, atrair a ira dos conservadores de todos os matizes. É uma série de TV que mostra uma mãe de família de belo bairro traficando maconha. Tem tanto palavrão quanto um filme de Martin Scorsese sobre mafiosos – e fala de sexo da maneira mais aberta, franca, possível. Continue lendo “Weeds – As quatro primeiras temporadas”

À Francesa / Le Divorce

zzdivorce1

Nota: ★★★½

O filme é americano, obra da trinca internacional James Ivory-Ruth Prawer Jhabvala-Ismail Merchant, mas 99% da ação se passam em Paris. Metade do imenso elenco cheio de bons, respeitáveis nomes, é de língua inglesa, mas a outra metade é formada por atores franceses. O título original é um achado: é em francês, algo muito ruim para a bilheteria de um país monoglota como os Estados Unidos – mas uma das duas palavras tem grafia idêntica em francês e em inglês: Le Divorce. Continue lendo “À Francesa / Le Divorce”

Dália Negra / The Black Dhalia

zzblack1

Nota: ★★★☆

Dália Negra, o filme de Brian De Palma de 2006, me deixa com sensações confusas, conflitantes. Mixed feelings (há momentos em que o inglês é imbatível, exprime muito melhor as coisas que não apenas a última flor do Lácio, inculta e bela, mas todas as demais línguas – pelo menos as que eu conheço um tiquinho). Continue lendo “Dália Negra / The Black Dhalia”

Meninas Não Choram / Große Mädchen weinen nicht

zzgrosse1

Nota: ★★★☆

Vinicius de Moraes escreveu que são demais os perigos nesta vida. Tinha carradas de razão. Mas é impressionante como os perigos têm a capacidade de se acumular na adolescência. Atravessar a adolescência é como percorrer um campo cheio de minas terrestres. Continue lendo “Meninas Não Choram / Große Mädchen weinen nicht”