Harry Potter e a Câmara Secreta / Harry Potter and the Chamber of Secrets

Nota: ★★★★

O cerne de Harry Potter e a Câmara Secreta (2002), o segundo dos oito filmes baseados nos sete livros de J.K. Rowling com o personagem, é a luta contra um bruxo do mal que defende o supremacismo. É possível a gente não se encantar com um filme extraordinariamente bem realizado em absolutamente todos os quesitos, divertido, gostoso, inteligente – e que é um panfleto contra o supremacismo, o racismo, a xenofobia? Continue lendo “Harry Potter e a Câmara Secreta / Harry Potter and the Chamber of Secrets”

Maid

Nota: ★★★★]

No primeiro episódio, a série Maid faz o espectador se apaixonar pela protagonista, e morrer de pena dela. Alex (o papel de Margaret Qualley, essa menina que chegou com o brilho de uma supernova) sofre feito uma condenada, come o pão que o diabo amassou, tem vida mais dura do que escravo remador nas galés romanas. Continue lendo “Maid”

Sindicato de Ladrões / On the Waterfront

Nota: ★★★★

On the Waterfront, no Brasil Sindicato de Ladrões, que Elia Kazan lançou em 1954, é um dos grandes monumentos da História do Cinema. Visto ou revisto hoje, permanece tão forte, poderoso, impactante, impressionante quanto seguramente deve parecido na época de seu lançamento, 67 longos anos atrás. A beleza do filme, a extraordinária expressividade de várias de suas sequências são assombrosas. Continue lendo “Sindicato de Ladrões / On the Waterfront”

Feios, Sujos e Malvados / Brutti, Sporchi e Cattivi

Nota: ★★☆☆

Quando fez Feios, Sujos e Malvados, em 1976, o grande Ettore Scola vinha de Nós Que Nos Amávamos Tanto (1974), uma obra-prima, uma absoluta maravilha, um hino ao socialismo, à solidariedade, ao amor, um painel da História da Itália ao longo de três décadas que é também um afresco sobre o próprio cinema italiano. Continue lendo “Feios, Sujos e Malvados / Brutti, Sporchi e Cattivi”

Crimes em Délhi / Delhi Crime

Nota: ★★★★

Crimes em Délhi/Delhi Crime, série indiana de sete episódios de cerca de 50 minutos cada, feita em 2019, reconstitui, ao que tudo indica de maneira fiel, rigorosamente fiel, num estilo quase de documentário, um caso real acontecido em 2012. É um trabalho magistral, de uma qualidade absolutamente impressionante. Mas não é algo fácil de se ver, de forma alguma. Continue lendo “Crimes em Délhi / Delhi Crime”

The White Lotus

Nota: ★★★½

The White Lotus, minissérie de 6 episódios da HBO de 2021 passada num resort caríssimo no Havaí, tem momentos cômicos e paisagens deslumbrantes, cheias de cores fortes, mas deixa no espectador um gosto bem amargo. Como se ele tivesse assistido a um drama serííssimo, em preto-e-branco, sobre a vida de seres miseráveis no sertão nordestino, num vilarejo do fundo da absoluta pobreza africana ou numa favela carioca ou paulistana. Continue lendo “The White Lotus”

Os Reis do Ié-Ié-Ié / A Hard Day’s Night

Nota: ★★★½

A Hard Day’s Night é um filme engraçado, divertido, gostoso de se ver. É inteligente, esperto, safo. Irreverente, gozador, suavemente ousado. Tem alguma coisa dos filmes dos irmãos Marx, tem um tom do cinema novo inglês de seu tempo, dos Angry Young Men. Apesar disso, ou por isso mesmo, era inovador. Fresco, fresh, no sentido mais literal e mais puro. Continue lendo “Os Reis do Ié-Ié-Ié / A Hard Day’s Night”

O Cidadão Ilustre / El Ciudadano Ilustre

Nota: ★★★☆

O Cidadão Ilustre, produção argentina de 2016 com apoio da pátria-mãe Espanha, como são muitos dos filmes dos hermanos nas últimas décadas, é uma daquelas coisas que fazem o espectador rir demais – para, ao final, o riso dar lugar a um gosto terrivelmente amargo. Continue lendo “O Cidadão Ilustre / El Ciudadano Ilustre”