Cop Land


Nota: ★★★☆

Anotação em 2003: Um bom policial sobre corrupção e o eterno tema do cinema americano do homem que luta sozinho contra uma grande engrenagem – no caso, o xerife puro, meio bobo (Sylvester Stalone), de uma cidadezinha perto de New Jersey onde vivem vários policiais da metrópole capital do mundo ali do lado.

O elenco é ótimo, cheio de gente de primeiro time. Há muito a gente não via o Stalone, e tinha preconceito contra ele por causa das patriotadas tipo Rambo, mas ele está bem, no filme, muito bem. Harvey Keitel faz o chefe do bando de tiras corruptos, e Robert De Niro é da Corregedoria.

Pela enésima vez, Leonald Maltin acha uma coisa e eu acho outra. Ele diz que o filme parte de uma premissa sólida, e de um começo que prende o espectador, mas aí a trama vai ficando cada vez mais convencional e previsível. Ele dá duas estrelas e meia (em quatro).

Cop Land

De James Mangold, EUA, 1997.

Com Sylvester Stalone, Robert De Niro, Harvey Keitel, Annabella Sciorra, Ray Liotta, Janeane Garofalo

Argumento e roteiro James Mangold

Música Howard Shore

Cor, 105 min.

 

Um Comentário