O Céu de Outubro / October Sky


Nota: ★½☆☆

Anotação em 2000: Para este filme cabe como uma luva aquela designação pejorativa usada pelos espectadores inteligentes, o pessoal papo-cabeça que não perde um filme iraniano na Mostra, de filme bem americano, filme de Hollywood.

História real da juventude de um sujeito de cidadezinha mineira da Carolina que depois viraria cientista da Nasa, é uma daquelas típicas coisas em que tudo é certinho demais; é a apologia da América, a terra da esperança, onde seu sonho pode virar realidade.

Tecnicamente bem feito, com tudo corretinho, ele tem todos, mas todos os clichês: o ginásio tem o CDF que todo mundo acha freak, doido; a mocinha bonitinha que o mocinho ao final vai esnobar, depois de ter sido esnobado por ela enquanto ainda não era um vencedor; o irmão mais velho grosseirão e bom no futebol americano; o pai dureza que no fim aceita e compreende o filho diferente dele.

         Argh.

O Céu de Outubro/October Sky

De Joe Johnston, EUA, 1999.

Com Jake Gyllenhaal, Chris Cooper, Chris Owen, Laura Dern,

Roteiro Lewis Colick

Baseado no livro autobiográfico de Homer H. Hickam Jr.

Música Mark Isham

Produção Universal

Cor, 107 min.

Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.