A Mulher e o Atirador de Facas / La Fille sur le Pont


Nota: ★★★☆

Anotação em 2000: De início, o filme é inquietante, estranho, esquisito, parece doido demais. Assusta um pouco. Depois vai se revelando uma fábula interessante, uma bela brincadeira com destino, sorte – e uma bela história de um amor absolutamente improvável.

O visual é belíssimo, num preto-e-branco extraordinariamente bem fotografado. E tudo é pan-europeu, da nova Europa unificada – com paisagens da França, da Itália, da Grécia, da Turquia, e bela música do mundo.

Adele, a personagem de Vanessa Paradis, aparece primeiro. Numa longa seqüência em close do rosto dela, Adele vai contando seu desespero de pessoa que nunca fez nada certo, que só sofreu na vida, nunca teve um momento de felicidade e não tem a menor idéia do que significa esperança. Vanessa, cantora e ex-modelo da Chanel, dá um show de interpretação nessa seqüência impressionante.

Em seguida a vemos debruçada numa ponte sobre o Sena, numa noite de inverno. Ela hesita um pouco, mas tudo indica que vai pular. De repente, do nada, surge um homem bem mais velho que ela – Gabor, o personagem de Daniel Auteil (em uma de suas melhores atuações, ele que é um ator que trabalha tanto e tão regular).

zzponteO diálogo entre os dois é quase surrealista. Ele conta que tem experiência em procurar por mulheres nas pontes – mulheres à beira da morte – para fazer uma proposta a elas. Já que não têm mais nada a perder, por que não arriscar a sorte e trabalhar com ele em seu número de atirador de facas?

Ela pula.

Estamos com dez minutos de filme. A história vai começar.

O filme de Patrice Leconte é de 1999. Seis anos mais tarde, em 2005, Luc Besson, outro francês, só que de estilo completamente diferente, extremamente menos sério e mais superficial, faria outro filme, também em P&B, em que, com dez minutos de filme, temos o ator principal debruçado numa ponte sobre o Sena, prestes a pular – Angel-A, uma brincadeira um tanto vazia mas, como este filme aqui, de visual belíssimo.

A Mulher e o Atirador de Facas/La Fille sur le Pont

De Patrice Leconte, França, 1999.

Com Daniel Auteil, Vanessa Paradis

Roteiro e diálogos Serge Frydman

Fotografia Jean-Marie Drejou

P&B, 90 min.

 

2 Trackbacks

  1. […] mezzo mafioso, se case com seu noivo. A jovem, Juliette Van Der Becq, é interpretada por Vanessa Paradis, aquela gracinha de atriz de dentinhos da frente […]

  2. […] A Mulher e o Atirador de Facas / La Fille sur le Pont (1999), […]

Postar um Comentário

O seu email nunca é publicado ou compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

*
*