Arquivos do Rótulo: Vício e Drogas

Meus Dias Incríveis / Arthur Newman

zznewman1

Nota: ★★½☆

Um homem de meia idade que não está nada contente com a vida que tem, e quer virar outra pessoa. Uma jovem de família despedaçada, sem laços no mundo, que se sente perto da insanidade mental. Arthur Newman, no Brasil Meus Dias Incríveis, é a história do encontro desses dois seres tão distantes um do outro – e de qualquer alegria. Ler Mais »

Minha Cama de Zinco / My Zinc Bed

zzzinco1

Nota: ★★½☆

Minha Cama de Zinco é um filme inquietante, perturbador. Discute vício; há quem tenha visto nele discussão sobre qualquer vício – droga, relações, trabalho. Para mim, a questão principal é o vício de drogas; especificamente, o álcool, a cachaça, booze. Ler Mais »

A Garota de Trieste / La Ragazza di Trieste

zztrieste1

Nota: ★★☆☆

Os créditos iniciais mostram que A Garota de Trieste, que Pasquale Festa Campanile lançou em 1982, baseia-se no romance de sua autoria. É bem interessante, isso, porque, ao ver o filme, o espectador fica com a nítida sensação de que toda a história foi escrita especialmente para Ornella Muti interpretar o personagem que dá o título da obra. Ler Mais »

De Coração Aberto / À Coeur Ouvert

zzcoração1

Nota: ★☆☆☆

De Coração Aberto, da diretora Marion Laine, ela também autora do roteiro, é o retrato de uma folie à deux. O espectador, coitado, que não tem nada a ver com aquilo, é forçado a partilhar da loucura de um casal que se ama mas se destrói. Ler Mais »

A Família Flynn / Being Flynn

zzflynn1

Nota: ★★★☆

Ao longo dos primeiros, digamos, 95 minutos dos 102 que dura A Família Flynn, no original Being Flynn, mostra-se que o jovem Nick teve uma vida duríssima, barra pesada, dramática, apavorante. Ler Mais »

Depois de Lúcia / Después de Lucía

zzdepois1

Nota: ★★★☆

Depois de Lúcia é um filme em tudo e por tudo impressionante. O diretor e roteirista mexicano Michel Franco, em seu segundo longa-metragem, fez uma obra seca, de uma secura estranha, forte, brutal. Seca, crua – e que corta o espectador como lâmina afiada. Ler Mais »

Vício Maldito / Days of Wine and Roses

zzdays1

Nota: ★★★½

Não é, de jeito nenhum, um filme gostoso nem fácil de ver, este Days of Wine and Roses, no Brasil Vício Maldito, que Blake Edwards dirigiu em 1962. É um grande filme, um filmaço – mas não é, repito, prazeroso de se ver. É duro, amargo, denso, pesado. Ler Mais »

Entre o Amor e a Paixão / Take This Waltz

zztake1

Nota: ★★★½

Enquanto via Take This Waltz, que no Brasil ganhou o título de Entre o Amor e a Paixão, me lembrei de uma frase dita por um personagem de Cerimônia de Casamento/A Wedding, de Robert Altman: “A vida é uma experiência aterrorizante. O amor é pior ainda”. Ler Mais »

O Reencontro / The Magic of Belle Isle

zzmagic1

Nota: ★★★☆

Para ser bom, um filme precisa ser surpreendente, imprevisível?

Cada um pode ter sua opinião, é claro. Eu acho que não, não precisa. Este O Reencontro, no original The Magic of Belle Isle, dirigido por Rob Reiner, é uma prova cabal disso. Ler Mais »

Um Dia / One Day

zzoneday1

Nota: ★★★☆

O romance Um Dia, lançado na Inglaterra em 2009, foi escrito para ser best-seller, e best-seller virou, instantaneamente, em diversos países, Brasil inclusive, claro. O próprio autor do romance, David Nicholls, um jovem inglês de boa educação e talentos múltiplos, escreveu o roteiro do filme. Ler Mais »

A Outra Família / La Otra Familia

Nota: ★★★☆

Eis aí um drama sério, denso, feito e passado no México de hoje. A Outra Família trata de uma série de temas importantes: paternidade, adoção, bebês de laboratório, casais homossexuais e filhos, preconceitos, drogas, gente que não deveria ter filhos e tem. Ler Mais »

Pronto para Recomeçar / Everything Must Go

Nota: ★★★☆

Pronto para Recomeçar, no original Everything Must Go, produção de orçamento baixo do cinema independente americano, é um filme duro, amargo, inquietante, perturbador. Trata de alcoolismo, mas não só; vai fundo no exame da escala de valores das pessoas, da sociedade. Ler Mais »

Pacto de Silêncio / Bond of Silence

Nota: ★★½☆

Uma boa surpresa, este filme feito para a TV americana. Nada extraordinário – mas sólido, muito bem realizado, e sério. Baseia-se em um caso real que envolve álcool, violência e crime entre adolescentes bem de vida, wasps – brancos, anglo-saxões e protestantes –, numa cidade pequena da Costa Leste. Ler Mais »

Amar é Sofrer / The Country Girl

Nota: ★★★★

Talvez uma das principais características de Amar é Sofrer/The Country Girl seja o fato de que é pouco falado, pouco badalado, menos elogiado do que mereceria. É um filmaço – e tem a mais bela interpretação da carreira de Grace Kelly. Ler Mais »

Corações Perdidos / Welcome to the Rileys

Nota: ★★★★

Uma maravilha de filme, este Corações Perdidos, no original Welcome to the Rileys. Drama sério, adulto, para público adulto, com interpretações não menos que magníficas de seus três atores principas, James Gandolfini, Melissa Leo e a garota Kristen Stewart. Ler Mais »