Arquivos do Rótulo: Terror

Os Olhos de Júlia / Los Ojos de Julia

Nota: ½☆☆☆

Conselho é uma coisa que se dá de graça, e portanto não vale nada, coisa alguma. Mas aí vai um conselho a quem porventura passar por aqui: evitem Os Olhos de Júlia. Não percam tempo com ele. O filme é um blefe. Uma bobagem. Uma merda. Ler Mais »

A Múmia / The Mummy

Nota: ★★★☆

A Múmia de 1932 é assim: se o espectador conseguir se abstrair totalmente da lógica, se não se preocupar o mínimo com a absoluta falta de verossimilhança, então ele poderá se encantar com um filme que tem importância histórica, muito clima e algumas seqüências de prodigiosa beleza. Ler Mais »

Mulher Solteira Procura / Single White Female

Nota: ★★★☆

Parece que Mulher Solteira Procura não agradou muito à crítica. Leonard Maltin, o autor do guia de filmes mais vendido no mundo, por exemplo, deu nota 2.5 em 4 e desceu o pau. No entanto, eu tinha uma boa lembrança dele – e gostei muito de revê-lo agora. Ler Mais »

Sangue de Pantera / Cat People

Nota: ★☆☆☆

Credo em cruz, como é ruim Sangue de Pantera/Cat People, um clássico famoso, respeitado, elogiadíssimo, feito por Jacques Tourneur na sua fase Hollywood, em 1942! Ler Mais »

A Marca do Vampiro / Mark of the Vampire

Nota: ★★★☆

Anotação em 2011: Este A Marca do Vampiro, de 1935, o antepenúltimo dos mais de 60 filmes dirigidos por Tod Browning, “o Edgard Alan Poe do cinema”, é muito, muito estranho. E tem uma história de vida, se é que podemos chamar assim, complicada, insólita, fascinante. Ler Mais »

True Blood – A Primeira Temporada

Nota: ★★½☆

Anotação em 2011: A série True Blood parte de uma idéia absolutamente inteligente. A realização, no entanto, não saiu à altura da base da trama, na minha opinião. A primeira temporada, composta por 12 episódios, é irregular. Tem momentos muito bons, entremeados por outros bem fraquinhos. Ler Mais »

Monstros / Freaks

Nota: ★★★☆

Anotação em 2011: Não adianta a gente achar que conhece um pouco de cinema, que já viu muitos filmes – há sempre muito mais surpresas do que se pode imaginar. Este Monstros/Freaks, que Tod Browning dirigiu em 1932, apenas cinco anos depois que o cinema aprendeu a falar, é muito surpreendente. Ler Mais »

Tamara

Nota: ½☆☆☆

Anotação em 2011: Tamara periga virar cult. É um daqueles sérios candidatos a pior filme de todos os tempos, troféu Framboesa dos séculos, dos milênios. Ed Wood é luxo só perto de Tamara. Ler Mais »

Garota Infernal / Jennifer’s Body

Nota: ★★½☆

Anotação em 2011: Um dos subgêneros mais imbecis, mais horrorosos, mais repulsivos do cinema é o dos filmes de terrir, grotesca mistura de terror com comedinha, os slasher movies – que misturam sangue esguichando com uma ou outra piadinha ginasiana. Ler Mais »

Sweeney Todd, o Barbeiro Demoníaco do Rua Fleet / Sweeney Todd: The Demon Barber of Fleet Street

Nota: ★★☆☆

Anotação em 2010: É assim: para quem gosta de ver banho de sangue, mas muito banho de sangue, sangue esguichando de veia cortada a navalha com mais força que água saindo de um gêiser islandês, pedaços picadinhos de seres humanos, de tal forma que a violência explícita de Sam Peckinpah vira conto de fadas, este é o filme. Ler Mais »

Caso 39 / Case 39

Nota: ★☆☆☆

Anotação em 2010: Este Caso 39 até que não começa mal. Não. Começa até bem, e vai se mantendo interessante durante uns 30 minutos. Aí desanda completamente, e vai desandando cada vez mais, até um final grotesco. Ler Mais »

Ilha do Medo / Shutter Island

Nota: ★★★½

Anotação em 2010: Ilha do Medo, o quarto encontro de Martin Scorsese e Leonardo DiCaprio, é um belo filme. É uma ótima trama sobre violência e insanidade; o clima é envolvente, assustador, e o visual é fantástico, sensacional. Ler Mais »

A 20 Milhões de Milhas da Terra / 20 Million Miles to Earth

Nota: ★☆☆☆

Anotação em 2010: Esta é uma daquelas pérolas dos filmes B que os estúdios de Hollywood produziam nos anos 30 a 50. Na verdade, ele é bem mais Z do que B. É uma gigantesca, inacreditável porcaria, mas tão porcaria, tão porcaria, que acaba divertindo muitos apaixonados pelo cinema, acaba virando cult. Ler Mais »

O Inquilino / Le Locataire


Nota: ★★★★

 Anotação em 2009: Na minha opinião, O Inquilino é um dos filmes mais apavorantes da história. E a atuação de Roman Polanski, esse ator bissexto, é espetacular, sensacional, brilhante. É uma atuação tão perfeita quanto a de Jack Nicholson em O Iluminado, outro dos filmes mais aterrorizadores de todos os tempos. Ler Mais »

A Mão que Balança o Berço / The Hand that Rocks the Cradle


Nota: ★★★½

Anotação em 2009: Este aqui é, na minha opinião, um dos melhores filmes de suspense que já foram feitos. Melhora a cada nova revisão. Mesmo conhecendo bem toda a história, fiquei, mais uma vez completamente envolvido pelo clima de tensão e medo que o diretor Curtis Hanson consegue criar. Ler Mais »