Arquivos do Rótulo: Nota 2.5

Cartas para Julieta / Letters to Juliet

Nota: ★★½☆

Piegas e bonitinho. Ou então – se o espectador deixar de lado seu rígido espírito crítico – extremamente romântico e bem bonitinho. É assim este Cartas para Julieta, mais uma comedinha romântica do cinemão comercial americano passada na Itália. Ler Mais »

Mickey One

Nota: ★★½☆

Para um espectador mediano, comum, seguramente deve ter sido um absoluto choque. Para os críticos, e os cinéfilos apaixonados por filmes não convencionais, que alguns chamam “de arte”, gente apaixonada pelas obras de Fellini, Antonioni, Buñuel, Godard, Resnais, Kurosawa, Bergman, foi uma maravilha, um encanto. Ler Mais »

Duets: Vem Cantar Comigo / Duets

Nota: ★★½☆

Duets é um filme sobre karaokê – sobre a onda, a febre do karaokê. Não chega a ser um bom filme: é bastante irregular, com ótimos momentos e outros bem ruins, ou estranhos, ou muito exagerados. Mas me pareceu bem simpático, gostoso de se ver. Ler Mais »

A Vítima Perfeita / In Her Skin ou I Am You

Nota: ★★½☆

A Vítima Perfeita, produção australiana de 2009, relata uma história real: no dia 1º de março de 1999, Rachel, uma moça de 15 anos, de hábitos regulares, tranquila, sem problema algum na escola ou na família, amadíssima pelos pais, com namorado firme, desapareceu misteriosamente em Melbourne. Ler Mais »

À Primeira Vista / At First Site

Nota: ★★½☆

O título – À Primeira Vista/At First Site – dá idéia de que pode ser uma comédia romântica. Não há nada cômico no filme dirigido por Irwin Winkler lançado em 1999. É uma daquelas duríssimas histórias de personagem que enfrenta terrível adversidade. A adversidade, aqui, é uma das mais pavorosas que pode haver: a cegueira. Ler Mais »

A Maleta Fatídica / Nightfall

Nota: ★★½☆

Um estudioso da obra de Jacques Tourneur (1904-1977) diz que, em seus filmes, há sempre o incrível e o inconcebível. Nightfall, no Brasil A Maleta Fatídica, que o diretor francês realizou em 1956, durante o longo período que passou em Hollywood, comprova bem isso. Ler Mais »

Um Senhor Estagiário / The Intern

Nota: ★★½☆

As voltas que o mundo dá. Em 2006, Anne Hathaway era Andy, a jovem jornalista recém-formada que se sujeitava às piores provações como secretária de uma megera no competitivíssimo mundo de Manhattan, o miolo da capital do mundo, em O Diabo Veste Prada. Ler Mais »

Cortina Rasgada / Torn Curtain

Nota: ★★½☆

Cortina Rasgada, o filme número 50 de Alfred Hitchcock, foi muitíssimo mal recebido pela crítica ao ser lançado em 1966. Depois de rever o filme agora, me ocorreu que pode haver diversas explicações para isso. Vários motivos, não excludentes – ao contrário. Ler Mais »

Tudo Vai Ficar Bem / Every Thing Will Be Fine

Nota: ★★½☆

Tudo Vai Ficar Bem, de 2015, é o primeiro longa-metragem de ficção de Wim Wenders desde 2008, quando fez Palermo Shooting. Entre os dois, o grande realizador fez vários documentários, entre eles o belo Pina (2011), homenagem à coreógrafa Pina Bausch. Ler Mais »

Um Preço para Cada Crime / The Enforcer

Nota: ★★½☆

Em 1951, o mesmo ano do excelente, maravilhoso Uma Aventura na África/The African Queen, Humphrey Bogart interpretou um tipo raro em sua carreira cheia de papéis de vilão, bandido, aventureiro, solitário: em The Enforcer, no Brasil Um Preço para Cada Crime, ele faz um dedicado homem da lei, o enforcer do título original, um promotor público. Ler Mais »

Noite de Verão em Barcelona / Barcelona, Nit d’estiu

Nota: ★★½☆

São seis histórias de amor e uma única cidade. Ou, como se diz no site oficial do filme, “Sis històries d’amor i una única ciutat”. Sim – como a cidade é Barcelona, a imensa maior parte dos diálogos não é em espanhol, e sim em catalão. Ler Mais »

Lolo, o Filho da Minha Namorada / Lolo

Nota: ★★½☆

Aquela velha história: ela é refinada, sofisticada, ele é meio grosso, meio bronco. Já vimos este filme bem antes de Julie Delpy lançar este Lolo, de 2015, que no Brasil ganhou o complemento de O Filho da Minha Namorada. Ler Mais »

O Dobro ou Nada / Lay the Favorite

Nota: ★★½☆

Boa parte da ação de O Dobro ou Nada/Lay de Favorite (2012), se passa em Las Vegas, a capital mundial do jogo. O tema central são os jogos, as apostas, a sorte – ou a falta dela. Assim, nada é mais apropriado do que este aviso dado ao espectador bem no início da narrativa: “Por pura sorte, esta história é verdadeira”. Ler Mais »

Grande Bolada / Arme Riddere

Nota: ★★½☆

O cinema ainda não descobriu direito o imenso potencial dos livros do escritor norueguês Jo Nesbø. Este Arme Riddere aqui, co-produção Noruega-Suécia de 2011, exibido na TV a cabo brasileira como Grande Bolada, foi apenas o segundo filme baseado em história de Nesbø; neste segundo semestre de 2016, os americanos já começavam a produzir uma refilmagem, com o mesmo título do filme original no mercado de língua inglesa, Jackpot. Ler Mais »

A Bela e a Fera / La Belle et la Bête

zzbela1

Nota: ★★½☆

A Bela e a Fera versão 2014 é uma superprodução cara (33 milhões de euros, ou cerca de US$ 35 milhões), caprichadíssima em todos os quesitos técnicos, com efeitos especiais extraordinários, e um visual acachapante, fantástico. Ler Mais »