American Buffalo


Nota: ★☆☆☆

Anotação em 1997: Um filme que me pareceu absolutamente incompreensível. O pobre do espectador não fica sabendo a que ele veio, por que se gastou dinheiro pra fazê-lo, por que Dustin Hoffman resolveu interpretá-lo – neste último quesito, minha única hipótese é que o egão do ator tenha querido concorrer a um improbabilíssimo Oscar por ele estar voltando a fazer um papel semelhante ao que fez em Midnight Cowboy, de 1969. Continue lendo “American Buffalo”

A Última Prostituta / The Last Prostitute


Nota: ★☆☆☆

Anotação em 1997: Leonard Maltin classifica o filme, feito para a TV (embora nos letreiros esteja escrito screenplay, e não teleplay) como acima da média. E diz que é uma história agradável: “Agradável história do rito de passagem de dois adolescentes dos anos 60 que procuram uma lendária prostituta mas descobrem que ela não está mais no ‘negócio’ e agora dirige uma fazenda de cavalos. Carmen Culver faz um belo trabalho ao adaptar a peça pouca vista de William Borden.” Continue lendo “A Última Prostituta / The Last Prostitute”

Striptease


Nota: ★☆☆☆

Anotação em 1997: Comedinha que deve ter custado caro, típico produto de Hollywood nos anos 90, rasinha que nem um pires, que resulta em algumas risadas (há piadas boas, de texto); mistura drama familiar, um toque de trama de thriller (o cinemão padrão de Hollywood atual parece não conseguir fazer nada sem um toque de trama de thriller), imensas pitadas do exagero mais over e do over mais exagerado, e uma indisfarsável tendência para pornô leve mas safadinho. Continue lendo “Striptease”

Para Roseanna / For Roseanna


Nota: ★☆☆☆

Anotação em 1997: O filme é ruim, mas é ruim demais. O personagem principal, Marcello, um italiano interpretado pelo francês Jean Reno falando em italiano, é absolutamente caricatural, grotesco. O pobre Reno, normalmente bom ator, está absolutamente perdido, fazendo gestos absurdos, sem sentido; mais caricato seria impossível. Continue lendo “Para Roseanna / For Roseanna”