Arquivos do Rótulo: Homo

Senhoritas em Uniforme / Mädchen in Uniform

Nota: ★★★☆

Romy Schneider estava com 20 anos de idade quando fez, ainda na Alemanha, o papel principal em Senhoritas em Uniforme/Mädchen in Uniform. Ler Mais »

Albert Nobbs

Nota: ★★★☆

Albert Nobbs me pareceu, antes de mais nada, um exercício de ourivesaria na recriação do visual de uma época – o final do século XIX em Dublin. Ler Mais »

O Projeto Laramie / The Laramie Project

Nota: ★★★½

O Projeto Laramie é um ótimo filme, uma obra importante – mas, aparentemente, bem menos conhecida do que deveria, apesar de ter no elenco bons nomes: Laura Linney, Peter Fonda, Steve Buscemi, Christina Ricci, Janeane Garofalo, Lois Smith. Ler Mais »

Um Sonho de Amor / Io Sonno l’Amore

Nota: ★★★☆

Um Sonho de Amor, no original Io Sonno l’Amore, eu sou o amor, focaliza uma família da altíssima burguesia de Milão. Demora bastante para dizer a que vem. Demora exatamente 58 dos seus longos 120 minutos. Ler Mais »

Toda Forma de Amor / Beginners

Nota: ★★★☆

Toda Forma de Amor, no original Beginners, iniciantes, é um filme pessoal – e esta talvez seja a maior de suas qualidades, que não são poucas. É uma maravilha poder existir uma obra pessoal no cinema feito hoje nos Estados Unidos. Ler Mais »

O Grupo / The Group

Nota: ★★★½

O Grupo é assim uma espécie de precursor de filmes sobre uma geração, seu universo, seus valores, seus sonhos, seus temores – Sobre Ontem à Noite…/About Last Night…, O Primeiro Ano do Resto de Nossas Vidas/St. Elmo’s Fire, O Reencontro/The Big Chill, Para o Resto de Nossas Novas/Peter’s Friends, Nós Que nos Amávamos Tanto/C’eravamo Tanto Amati. Ler Mais »

O Primeiro Que Disse / Mine Vaganti

Nota: ★★★☆

Anotação em 2011: Mais um belo filme do diretor Ferzan Ozpetek, o terceiro que vejo dele. Uma sensível mistura de comédia e drama, uma história de vida em família, homossexualismo, as escolhas que se fazem, os segredos que se escondem, a eterna lição de que é preciso lutar pelas coisas que se quer. Ler Mais »

Violência e Paixão / Gruppo di famiglia in un interno

Nota: ★★★☆

Anotação em 2011: Importante, cultuado, reverenciado, premiado, penúltima obra do mestre Luchino Visconti, Violência e Paixão não me pareceu, na revisão hoje, um filme agradável de se ver. Ao contrário. Ao apresentar aquela galeria de tipos abjetos, na sua recorrente exposição da decadência da burguesia, Visconti provoca engulhos no espectador. Ler Mais »

Amor por Contrato / The Joneses

Nota: ★★★½

Anotação em 2011: Este Amor por Contrato/The Joneses é um filme surpreendente. E a verdade é que quanto menos o espectador souber previamente sobre ele, melhor será o prazer de vê-lo. Ler Mais »

Até o Fim / The Deep End

Nota: ★½☆☆

Anotação em 2011: Não me pareceu um bom filme, este Até o Fim/The Deep End, feito em 2001, com Tilda Swinton como protagonista. Mas talvez eu não tenha condições de fazer um juízo isento do filme, porque foi impossível não ficar o tempo todo comparando esta refilmagem com o original, Na Teia do Destino/The Reckless Moment, que Max Ophüls dirigiu em 1949. Ler Mais »

Crime em Paris / Quai des Orfèvres

Nota: ★★★½

Anotação em 2011: Em Crime em Paris/Quai des Orfèvres, de 1947, Henri-Georges Clouzot faz uma beleza de filme policial, mas vai muito além. Faz uma fascinante descrição do mundo do show business parisiense e dos métodos – muitas vezes brutais – da polícia, e oferece um panorama de vários estratos da sociedade francesa no imediato após-guerra. Ler Mais »

Tempestade Sobre Washington / Advise & Consent

Nota: ★★★★

Anotação em 2011: Tempestade Sobre Washington, de Otto Preminger, é um filme tão poderoso, forte, sério, hoje, quanto era quando foi feito quase meio século atrás, em 1962. É um belo filme sobre política, sobre como funcionam as instituições americanas, o relacionamento entre Executivo e Legislativo, o jogo de forças, de interesses, de visões de mundo. Ler Mais »

O Refúgio / Le Refuge

[rating3]

Anotação em 2011: Um filme belo e triste, este O Refúgio, que François Ozon fez em 2009. Muito belo e muito triste. Fala da loucura das drogas, de relações familiares, maternidade, afeto, e jovens aí na faixa entre 25 e 30 anos – uma jovem que não está preparada para a vida, um jovem que está. Ler Mais »

Louco Amor / Legaturi bolnavicioase

Nota: ★★½☆

Anotação em 2011: Um pequeno bom filme do novo cinema da Romênia, esse país pobre que, uma década e meia depois de emergir dos escombros do império soviético, tem maravilhado o mundo com um cinema supreendentemente diversificado e maduro. Ler Mais »

Tudo Pode Dar Certo / Whatever Works

Nota: ★★★½

Anotação em 2011: No seu filme de 2009, entre muitas outras coisas Woody Allen a) mostra que continua genial; b) faz uma gigantesca gozação da persona que ele criou, seu Carlitos, o Judeu Nova-Iorquino Intelectual Neurótico; c) bota – coisa rara – um outro ator para fazer o papel da persona Woody Allen; Ler Mais »