Sejam Muito Bem-Vindos / Bienvenue Parmi Nous

zznous1

Nota: ★★★☆

O veterano Jean Becker insiste e não desiste do tema que tem abordado sempre em seus últimos filmes. Felizmente. É um tema maravilhoso, dos melhores que há: o encontro entre duas pessoas, em geral muitos díspares, quase opostas, a amizade e a solidariedade que nascem a partir daí, e muda para melhor suas vidas. Continue lendo “Sejam Muito Bem-Vindos / Bienvenue Parmi Nous”

A Parte dos Anjos / The Angel’s Share

zzangels1

Nota: ★★★½

Filho da mãe. Ken Loach é um filho da mãe. Aos 76 anos, jovem, pimpolho, moleque sapeca como minha neta Marina, o cara injeta esperança na veia do espectador. Nesta época e neste mundo de descrença em tudo, vem nos dizer que, ao contrário de todos os sinais, de todas as evidências, a humanidade pode não ser, afinal, uma experiência que deu errado. Continue lendo “A Parte dos Anjos / The Angel’s Share”

As Sessões / The Sessions

zzsessões1

Nota: ★★★½

Um homem com trágicas, absurdas deficiências físicas. Suas sessões com uma terapeuta que o ensina como manter relações sexuais. Os temas abordados em As Sessões tinham tudo para resultar em um filme de um lado deprimente e de outro em algo apelativo, pornografia barata. Continue lendo “As Sessões / The Sessions”

Até a Eternidade / Les Petits Mouchoirs

zzmouchoirs1

Nota: ★★★☆

Belo, belo filme, este Até a Eternidade, no original Les Petits Mouchoirs, que Guillaume Canet fez em 2010. Foi o terceiro longa-metragem dirigido pelo jovem ator, roteirista e diretor, depois de Mon Idole, de 2002 (que não vi), e do ótimo Não Conte a Ninguém/Ne le dit à personne, de 2006. Continue lendo “Até a Eternidade / Les Petits Mouchoirs”

Solteiros com Filhos / Friends with Kids

Nota: ★★★☆

Solteiros com Filhos, no original Friends with Kids, é um ótimo filme. Uma comédia romântica gostosa, inteligente, mas que é mais que apenas isso, e faz boas, argutas observações sobre casamento e sobre filhos. E é também a revelação de uma nova realizadora de talento. Jennifer Westfeldt – eis aí um nome para se guardar. Continue lendo “Solteiros com Filhos / Friends with Kids”

Flor de Neve e o Leque Secreto / Snow Flower and the Secret Fan

Nota: ★★½☆

Flor de Neve e o Leque Secreto tem belezas – belezas estranhas. É belo – e estranho – como devem ser belas as manhãs em Mercúrio, ou os entardeceres vistos de uma das luas de Saturno. É um filme tão distante de nós – ou de mim, pelo menos – quanto um planeta qualquer que gire em torno de uma das estrelas mais distantes da nossa galáxia. Continue lendo “Flor de Neve e o Leque Secreto / Snow Flower and the Secret Fan”

A Criança da Meia-Noite / La Permission de Minuit

Nota: ★★★☆

Belo filme, este A Criança da Meia-Noite, no original La Permission de Minuit, da jovem diretora francesa Delphine Gleize. (E bota jovem nisso: a moça nasceu em 1973.) É apenas seu terceiro longa-metragem, e ela demonstra, entre outras qualidades, extrema competência na direção de atores. Continue lendo “A Criança da Meia-Noite / La Permission de Minuit”

O Grupo / The Group

Nota: ★★★½

O Grupo é assim uma espécie de precursor de filmes sobre uma geração, seu universo, seus valores, seus sonhos, seus temores – Sobre Ontem à Noite…/About Last Night…, O Primeiro Ano do Resto de Nossas Vidas/St. Elmo’s Fire, O Reencontro/The Big Chill, Para o Resto de Nossas Novas/Peter’s Friends, Nós Que nos Amávamos Tanto/C’eravamo Tanto Amati. Continue lendo “O Grupo / The Group”