A Face de um Anjo / The Face of an Angel

Nota: ★★★☆

A Face de um Anjo (2014), do incansável realizador inglês Michael Winterbottom, trata de um crime real: o assassinato, a facadas e por asfixia, de uma jovem e bela estudante inglesa na Itália, em 2007. Mas não pretende, de forma alguma, reconstituir o crime, mostrar como aconteceu, quem matou. Passa longe, muito longe disso. Ler Mais »

A Morte Espera no 322 / Pushover

Nota: ★★★½

A Morte Espera no 322, no original Pushover, de 1954, é muito menos conhecido, falado, lembrado do que deveria. Jamais tinha ouvido falar dele, apesar de gostar especialmente do cinema americano dos anos 30 a 60, e tenha uma predileção pelo film noir. Ler Mais »

The Bletchley Circle

Nota: ★★★☆

Já foram feitos bons filmes sobre o trabalho dos britânicos decifradores de códigos durante a Segunda Guerra Mundial, e seria bom que outros ainda sejam feitos, porque é tema é importante – e também fascinante, apaixonante, glamouroso. Ler Mais »

Silêncio nas Trevas / The Spiral Staircase

Nota: ★★★☆

The Spiral Staircase, no Brasil Silêncio das Trevas, thriller de Robert Siodmak lançado em 1946, começa de forma espetacular, brilhante, coisa que dá vontade de aplaudir de pé como na ópera. Ler Mais »

Marshall: Igualdade e Justiça / Marshall

Nota: ★★★☆

Mais um de tantos e tantos filmes que relatam histórias reais sobre a luta contra o racismo nos Estados Unidos, Marshall (2017), tem uma grande qualidade: não mostra o protagonista da história como um herói absolutamente perfeito. Ler Mais »

O Cisne / The Swan

Nota: ★★☆☆

O Cisne/The Swan, de 1956, é uma das mais contundentes provas de que um filme não é só um filme. É um filme, claro, mas é também o que o cerca, as histórias envolvendo sua produção, seu lançamento, o impacto que provocou, as reações a ele, o contexto todo. Ler Mais »

Sniper Americano / American Sniper

Nota: ★★★☆

American Sniper, o 34º filme dirigido por Clint Eastwood, começa com uma demonstração de talento para encenar sequências de ação e uma belíssima, maravilhosa sacada, um brilhante efeito dessa peça fundamental da linguagem cinematográfica que é a montagem. Ler Mais »

Mogambo

Nota: ★★½☆

Que tal uma trama assim? O sujeito está enfurnado no meio da selva africana há décadas, vivendo de capturar animais selvagens e vendê-los para algum lugar da civilização e eventualmente de servir de hospedeiro e guia de ricaços interessados em fazer safáris. De repente, cai de pára-quedas diante dele a Ava Gardner. Ler Mais »

The Crown – A Segunda Temporada

Nota: ★★★★

The Crown é um brilho, uma maravilha, um primor. Embora não tenha passado em sala de cinema, nas telas gigantescas – é uma produção original da Netflix, para distribuição via streaming, essa absoluta modernidade que pula portanto as salas e até mesmo os meios físicos, DVD e Blu-ray –, é cinema da melhor qualidade. Cinema para cinéfilo nenhum botar defeito.  Ler Mais »

Páginas da Vida / O. Henry’s Full House

Nota: ★★½☆

O’Henry’s Full House, no Brasil Páginas da Vida, de 1952, pode não ser um grande filme – e não é mesmo, na minha opinião. É bem intencionado, defende bons valores, mas abusa do sentimentalismo, da pieguice. Ler Mais »

Menashe

Nota: ★★★½

Estreou bem, muito bem, na direção de longa de ficção o diretor de fotografia e documentarista Joshua Z Weinstein. Menashe é um ótimo filme, um drama familiar feito com extrema sensibilidade e muita competência em todos os aspectos formais. Ler Mais »

Agonia de Amor / The Paradine Case

Nota: ★★★☆

Não há um único momento de suspense em The Paradine Case, o décimo e último filme de Alfred Hitchcock na Era Selznick – os anos entre 1940 e 1947, em que o diretor, importado para Hollywood pelo poderoso produtor David O. Selznick, fez seus primeiros filmes americanos. Ler Mais »

O Violinista / The Violin Player

Nota: ★★½☆

O Violonista/The Violin Player, produção indiana de 2016, tem apenas 72 minutos, de 10 a 20 minutos menos que a imensa maioria dos longa-metragens de hoje em dia, e essa característica tem grande importância. No entanto, as primeiras sequências do filme são longas, bem longas – e nelas acontecem poucas coisas. Nada, ou quase nada de importante, na verdade. Ler Mais »

O Terror das Mulheres / The Ladies Man

Nota: ★★★☆

O Terror das Mulheres, no original The Ladies Man, de 1961, o segundo filme escrito e dirigido por Jerry Lewis, é uma mistura nada fina de belas qualidades e algumas imensas bobagens. Tem momentos engraçadíssimos, hilariantes, deliciosos, alguns de grande inventividade – e outros bem panacas. Ler Mais »

11 Minutos / 11 Minut

Nota: ★★★½

As coincidências, as peças que o destino – ou Deus, os deuses, o fado, as fadas, a aleatoriedade, seja lá o que for – prega na gente são a matéria-prima de muitas das histórias de François Truffaut, Claude Lelouch, Jacques DemyKrzysztof Kieslowski. Com 11 Minutos, o polonês Jerzy Skolimowski parece ter querido fazer o filme definitivo sobre esse tema. Ler Mais »