Fontes

É óbvio que com a Internet ficou tudo absolutamente mais fácil. Basta dar www.imdb.com ou www.allmovie.com e está tudo lá, rápido, fácil, preciso.

São os dois melhores sites enciclopédicos de cinema que existem, na minha opinião, e acho que também na de milhares de cinéfilos brasileiros e de todo o mundo. O AllMovie é mais classudo, mais sério, mais clean; tem ótimas resenhas que dão, além da sinopse, diversas informações úteis sobre o filme, o diretor, a produção. O IMDb é mais abrangente, completo, rápido e interativo; os leitores fazem as resenhas, há fichas técnicas tão exaustivas quanto as dos créditos finais dos filmes hoje em dia, e ainda a transcrição de diálogos e informações sobre peculiaridades da produção, detalhes que os fãs adoram.

Na época em que a internet ainda estava se consolidando e popularizando, em meados dos anos 1990, a Microsoft lançou um produto deslumbrante, maravilhoso, que cito muito nas minhas anotações – o Cinemania, CD-ROM que trazia a íntegra ou boa parte dos guias de filmes de Pauline Kael, Roger Ebert e Leonard Maltin, mais fotos, galerias com diálogos e cenas dos filmes mais importantes. Uma preciosidade, tão preciosa que, depois da edição de 1997, eles pararam de produzir – certamente estava dando prejuízo às editoras e aos autores dos guias.

Apesar de tudo o que há na internet, os guias de filmes, que já existiam antes dela, continuam disponíveis e continuarão a existir sempre – espero -, são indispensáveis para quem gosta de cinema, assim como os dicionários e outras obras de referência. Aqui vão os meus preferidos.

Guias, coletâneas de críticas:

- 1,000 Best Movies on DVD, de Peter Travers, 2006, Wenner Books.

- 1001 Filmes para Ver Antes de Morrer, editor geral Steven Jay Schneider, 2008, Quintessense, edição brasileira 2008, editora Sextante.

- 1001 Noites no Cinema/5001 Nights at the Movies, de Pauline Kael, 1991, Companhia das Letras (edição brasileira 1994, tradução Sérgio Augusto)

- 501 Must-See Movies, publisher Polly Manguel, 2004, Bounty Books.

- 5001 Nights at the Movies, de Pauline Kael, 1982, Arena, Arrows Books.

- Cine Guia – Todos os filmes em DVD, Edição 2007, coordenação Miguel Lourenço Pereira, Dinalivro, Lisboa.

- Cinéguide, de Éric Léguèbe, 1994, Omnibus.

- Guia de Vídeo e DVD, edição 2002, Nova Cultural.

- Guide des Films, de Jean Tulard, sexta edição, 2005, Éditions Robert Laffont.

- Leonard Maltin’s Movie Guide, edição 2009, Signet Books.

- Magia do Cinema, A/The Great Movies, de Roger Ebert, 2002, Ediouro (edição brasileira 2003).

- Melhores Filmes Novos, Os – 290 filmes comentados e analisados, de Luciano Ramos, 2009, Editora Contexto.

- Movies on TV and Videocassette, de Steven H. Scheuer, 1991, Bantan Books.

- Obras-Primas do Cinema, As, de Claude Heylie, 1987, Martins Fontes (edição brasileira 1991, tradução Eduardo Brandão).

- Off-Hollywood Movies, de Richard Skorman, 1989, Harmony Books.

- Time Out Film Guide, editado por John Pym, 2000, Penguin Books.

- Video Movie Guide, de Mick Martin & Marsha Porter, Ballantine Books.

- VideoBook 2001, 8ª edição,  Fotomática DB Publishing, Rio de Janeiro.

Dicionários, obras de referência:

- 501 Movie Directors, editor geral Steven Jay Schneider, 2007, Barron’s.

- 501 Movie Stars, editor geral Steven Jay Schneider, 2007, Cassell.

- Actors & Actresses, The International Dictionary of Films and Filmmakers, de James Vinson, 1986, Papermac

- Columbia Story, The, de Clive Hirschhorn, 1989, Pyramid Books.

- Dicionário de Cineastas, de Rubens Ewald Filho, 2002, Companhia Editora Nacional.

- Dicionário de Cineastas, de Rubens Ewald Filho, 2ª Edição, 1988, L&PM.

- Dicionário de Cinema – Os Diretores, de Jean Tulard, 1992, L&PM, edição brasileira 1996.

- Dicionário de Filmes, de Georges Sadoul, 1990, L&PM, edição brasileira 1993.

- Dicionário Teórico e Crítico do Cinema, de Jacques Aumont e Michel Marie, 2008, Edições Texto & Grafia, edição portuguesa 2009.

- Dictionnaire du Cinéma – Les Réalisateurs, de Jean Tulard, 1985, Éditions Robert Lafont.

- Enciclopédia do Cinema Brasileiro, org. Fernão Ramos e Luiz Felipe Miranda, 200, Editora Senac São Paulo.

- Films of the Sixties, The – From La Dolce Vita to Easy Rider, de Douglas Brode, 1980, Citadel Press.

- História Ilustrada dos Filmes Brasileiros, de Salvyano Cavalcanti de Paiva, 1989, Livraria Francisco Alves Editora.

- Hollywood Picks the Classics – A Guide for the Beginner and the Aficionado, de Afton Fraser, 2004, Bulfinch Press.

- Leading Ladies – The 50 most unforgettable actresses of the Studio Era, de Andrea Sarvady,  2006, Chronicle Books.

- Oscar Movies from A-Z, The, de Roy Pickard, 1982, Hamlyn Paperbacks.

- Paramount Story, The, de John Douglas Eames, 1985, Crown Publishers.

- The Hollywood Reporter Book of Box Office Hits, de Susan Sackett, 1990, Billboard Books.

- Tudo sobre o Oscar , de Fernando Albagli, Zit Editora, 2003.

- United Artists Story, The, de Ronald Bergan, 1986, Octopus Books.

- Universal Story, The, de Clive Hirschhorn, 1983, Octopus Books.

- Warner Bros. Story, The, de Clive Hirshhorn, 1982, Octopus Books.

Outros:

- Afinal, Quem Faz os Filmes, de Peter Bogdanovich, Companhia das Letras, 1997, edição brasileira 2000.

- Billy Wilder – E o resto é loucura, de Hellmuth Karasek, 1992, DBA Dórea Books and Art, edição brasileira1998.

- Cinema Now, de Andrew Bailey, 2006, Taschen.

- Cinema Year by Year 1984-2000, editado por Robyn Karney, Dorling Kinderslay, 2000.

- Contemporary Cinema, The, de Penelope Houston, 1966, Penguin Books.

- Os Filmes da Minha Vida/Les Films de Ma Vie, de François Truffaut, 1975, Editora Nova Fronteira (edição brasileira 1989).

- Film World, de Ivor Montagu, 1964, Penguin Books.

- François Truffaut, de Robert Ingram e Paul Duncan, 2004, Taschen.

- Frank Capra, de Michel Cieutat, 1988, 1994, Editions Rivages

- Great Hollywood Westerns, de Ted Sennett, 1990, Harry N. Abrams, Inc, Publishers

- História do Cinema Mundial, de Georges Sadoul, Livraria Martins Editora, edição brasileira 1963.

- Hitchcock Truffaut – Entrevistas, de François Truffaut, Companhia das Letras, 1983, edição brasileira 2004.

- Ingrid Bergman, introdução Sheridan Morley, editado por John Koball, 1985, Little, Brown and Company.

- Jules e Jim – O Roteiro de François Truffaut, o Romance de Henri-Pierre Roché, 1953, 1962, Jorge Zahar Editor, edição brasileira 2006.

- Leila Diniz, de Joaquim Ferreira dos Santos, 2008, Companhia das Letras.

- Marlene Dietrich (autobiografia), 1987, Francisco Alves (edição brasileira 1991)

- Mulher Fabulosa, Uma/A Remarkable Woman – Katharine Hepburn, de Anne Edwards, 1985, Francisco Alves (edição brasileira 1987).

- Outra Face de Hollywood: Filme B, A, de A.C. Gomes de Mattos, 2003, Editora Rocco.

- Outro Lado da Noite: Filme Noir, O, de A.C. Gomes de Mattos, 2001, Editora Rocco.

- Prazer dos Olhos – Escritos sobre Cinema, O/Le Plaisir des Yeux – Écrits sur le Cinéma, de François Truffaut, edição original Cahiers du Cinéma, 2004, edição brasileira 2006, Jorge Zahar Editor

- Relato Autobiográfico, de Akira Kurosawa, edição brasileira 1990, Estação Liberdade editora.

- Siècle du Cinéma, Le, de Vincent Pinel, Bordas, 1994.

- That Was Hollyood - The 1930s, de Allen Eyles, B.T. Batsford, 1987.

- Truffaut par Truffaut, de Dominique Rabourdin, Éditions du Chêne, 1985.

- Tu e o Cinema/Mais Oui, Vous Comprennez le Cinéma, de Franz Weyergans, 1970, Livraria Civilização Editora (edição portuguesa 1971).

.

.