Herói por Acaso / Monsieur Batignole


Nota: ★★★☆

Anotação em 2006, com complemento em 2008: Um bom filme. É uma espécie assim (como tantos outros) de um pequeno A Lista de Schindler – só que em uma escala bem menor, num tom mais de música de câmara que de orquestra sinfônica.

Na França ocupada pelos nazistas, um pequeno comerciante, o Monsieur Batignole do título, acaba salvando dois garotinhos judeus – não por heroismo, convicção, coragem, força, mas porque não tinha outro jeito.

O diretor e roteirista Gérard Jugnot, nascido em 1951, que interpreta também o personagem central, trabalhou como ator em mais de 90 filmes; dois anos depois deste filme aqui, faria o músico e professor abnegado no belo A Voz do Coração/Les Choristes. Infelizmente, não vi nenhum dos outros nove filmes que ele dirigiu.  

Herói por Acaso/Monsieur Batignole

De Gérard Jugnot, França, 2002.

Com Gérard Jugnot, Michèle Garcia, Jean-Paul Rouve

Roteiro Gérard Jugnot e Philippe Lopes-Curval

Cor, 100 min.

Um comentário para “Herói por Acaso / Monsieur Batignole”

Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *