Coração Indomável / Untamed Heart


Nota: ★★½☆

Anotação em 2006, com complemento em 2008: Um filme simplesinho sobre o encontro de duas pessoas meio perdidas na vida – uma garçonete que nunca dá certo com os namorados (a gracinha da Marisa Tomei) e um estranho lavador de pratos órfão que tem uma doença congênita no coração (Christian Stater), num bairro de Minneapolis.

Se mais não fosse, esse filme já teria ao menos esta qualidade – a de tratar de pessoas simples, comuns. Ordinary people, como dizia e repetia Paul McCartney. Isso é sempre bem-vindo, especialmente no cinemão americano, tão chegado ao mundo dos milionários, os happy few, os muito happy e muitíssimo few.

Roger Ebert observou, muito bem observado, que essa historinha funcionaria muito melhor se o filme tivesse sido feito com atores bem mais velhos. “De alguma maneira, os atores, na faixa de seus 20 anos, pareciam estar numa história de William Saroyan sobre perdedores da meia-idade tendo seu último toque de idealismo. Teria ocorrido aos produtores fazer um filme com atores mais velhos? Ou o culto da bilheteria pela juventude está tão bem estabelecido que papéis feitos para gente mais velha são transpostos para mais jovens?”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Essa coisa do culto à juventude que o cinemão de Hollywood adotou a partir dos anos 80 é de fato assustadora. Como só filmes endereçados a platéias jovens estouram na bilheteria, o cinemão de Hollywood foi se infantilizando mais e mais, nas últimas décadas do século. E vai ficando cada vez mais chocante a comparação entre os filmes de Hollywood dos anos 80 e 90 com os dos anos 30, 40 e 50. De uma maneira geral (claro que isso é uma generalização, e toda generalização é falha), os antigos eram mais inteligentes, e tratavam de questões mais sérias, de forma mais madura.

Mas, embora isso seja importante, é meio viajandão

Voltando a este filminho simplesinho, mas que até tem suas pequenas qualidades, Leonard Maltin resumiu a questão assim: o filme tem uma produção sólida e boas atuações, principalmente da dupla central. Os cínicos vão querer passar longe, mas românticos de todas as idades gostarão.

Coração Indomável/Untamed Heart

De Tony Bill, EUA, 1993

Com Marisa Tomei, Christian Slater, Rosie Perez

Roteiro Tom Sierchio

Cor, 102 min

**1/2

Um Comentário

  1. Sérgio Vaz
    Postado em 14 agosto 2014 às 12:53 am | Permalink

    Obrigado pela correção, Felipe!
    Sérgio

Postar um Comentário

O seu email nunca é publicado ou compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

*
*