Chá com Mussolini / Tea with Mussolini


Nota: ★★½☆

Anotação em 2003 e 2008: Se não por qualquer outra coisa, como a reconstituição de época (Florença, anos 30), vale pelo elenco extraordinário. Juntar as extraordinárias inglesas Maggie Smith, Judi Dench e Joan Plowright, mais as excelentes americanas Cher e Lily Tomlin num filme só é demais.  

Vale também por ser baseado na autobiografia de Zeffirelli, um artesão bem competente (o Romeu e Julieta e a Megera Domada que ele fez nos anos 60 são muito bons). 

         O filme – com tons cômicos e tons dramáticos – mostra a vida de um garoto pobre que se envolve com um grupo de turistas ricos, americanos e ingleses, na Itália de 1935. Para esses estrangeiros ricos, levemente fúteis, Mussolini era apenas um governante que – como diz um deles – fazia os trens italianos andarem na hora certa.

Chá com Mussolini/Tea With Mussolini

De Franco Zeffirelli, Itália-Inglaterra, 1999.

Com Maggie Smith, Cher, Judi Dench, Joan Plowright, Lily Tomlin

Roteiro John Mortimer

Baseado na autobiografia de Franco Zeffirelli

Cor, 117 min.

4 Trackbacks

  1. […] peça seria apresentada em Londres em 1977, sob a direção de Franco Zeffirelli, com a grande Joan Plowright no papel central. A produção foi premiada no ano seguinte, e em 1980 […]

  2. Por 50 Anos de Filmes » Burlesque em 30 janeiro 2012 às 12:38 am

    […] Cher é uma personalidade tipo Lelouch: é difícil ser indiferente a ela, como a ele. Ou se ama ou se detesta. Sou do primeiro time. Tenho grande admiração por essa mulher forte, poderosa, grande cantora, boa atriz, que se recusa a admitir a lei natural das coisas, a passagem do tempo. […]

  3. […] para a Agência Estado, em 1997: A crítica costuma sempre meter o pau em Franco Zeffirelli, em seu estilo suntuoso, pesadão, acadêmico. O público costuma sempre gostar dos filmes de […]

  4. […] Não poderia haver alguém melhor nos anos 60 para dirigir a comédia de William Shakespeare do que Franco Zeffirelli. E não poderia haver casal mais apropriado – jamais, em época alguma da curta história do […]

Postar um Comentário

O seu email nunca é publicado ou compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados com um *

*
*